Atualizações de agosto, 2010 Ativar/desativar aninhamento de comentários | Atalhos do Teclado

  • annestreep 19:06 em 29/08/2010 Link Permanente | Resposta  

    Cazwell, o Eminem Gay 

    Em homenagem à Parada do Orgulho Gay de Santa Maria, que foi transferida em razão da chuva 😦

    Ele é branco, de classe média, homossexual e adora ser visto na companhia de drag queens. Apesar de as credencias apontarem a direção contrária, o americano Luke Cazwell, de 29 anos, é rapper. E graças às rimas ácidas, está sendo chamado pela mídia de “o Eminem gay”.
    Sem preconceito, o MC recebe a alcunha de bom grado. “Bem, o Eminem é extremamente talentoso e tão bonitinho… Não me sinto ofendido com a comparação”, diz o rapper.(globo.com)

    Segue abaixo o clipe de Ice Cream Truck, para meninas e meninos que gostam de meninos eh he

    O ritmo é muito legal e os garotos com óleo no corpo são bem legais também…:P

    Guris, por favor não deletem meu post!

     
    • carames 21:15 em 29/08/2010 Link Permanente | Resposta

      tudo bem ane, não compartilho do teu gosto mas vou respeitar.

  • paulocarames 17:22 em 29/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , Spoiler   

    Código Tarantino 

    Quentin Tarantino e Selton Mello tem algumas coisas em comum. Além de ambos serem atores e também diretores, Selton traçou o que seria o segredo ligando os filmes do diretor americano (contém spoilers). Um bom pretexto para assistir a filmografia de Tarantino e descobrir se a teoria faz sentido.

     
  • paulocarames 16:54 em 29/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , Bruce Willis, Dolph Lundgren, , , , , , , sex and the city, ,   

    Mercenários(as): Sex and The City 2 / Os Mercenários 

    Lado A – Sex and the City 2 (Sex and the City 2) 2010
    Baseado na série e dando sequência ao primeiro filme (Sex and the City, 2008), retrata os dilemas das quatro amigas peruas, fúteis e consumistas durante uma viagem a Abu Dhabi.
    Se depender da minha opinião, fadado a encalhar na prateleira da locadora. Exceto, caso o Inter perca o mundial que será na mesma Abu Dhabi, os gremistas poderão parodiar o filme para fazer piada com o rival.

    Lado B – Os Mercenários (The Expendables) 2010

    Existem duas maneiras de ver este filme. A primeira, é observar que ele reforça a percepção dos americanos de que tudo abaixo da linha do equador é uma republiqueta de bananas que precisa da intervenção de seus mercenários (aliás, o título em português veio a calhar) e que as mulheres bonitas que lá habitam anseiam por seus valentões para salvá-las dos nativos. Percepção reforçada pelos comentários feitos na Comic Con deste ano e que serviram como golpe de marketing para divulgar o filme. Aquela velha história, não existe propaganda ruim, existe propaganda.
    Acrescente à crítica o fato de que coisas impensáveis até mesmo para garotões são executadas por atores na maioria sessentões (acredite, meu pai tem esta idade e não conseguiria pular num avião cargueiro em movimento).
    Bom, tem também a segunda maneira. Imagine uma máquina do tempo que te leve de volta aos anos 80 onde nos filmes de ação toca rock n’ roll no talo, as coisas explodem por todo lado enquanto uma luta é travada na proporção de 1 mocinho pra cada mil bandidos, os diálogos não fazem muito sentido e acontecem em meio a piadas desengonçadas. Os figurantes morrem no começo, os coadjuvantes ficam até o final pra dar graça. E no final, óbvio, os mocinhos vencem.
    Tá certo, a máquina do tempo não existe, porém o filme que Sylvester Stallone rodou em parte no Brasil e que gerou tanta polêmica ao menos tem tudo isto e ainda trás de volta a sensação de viver de novo naquele tempo. O que dizer de um filme que reuniu a santíssima trindade dos filmes de ação: Sylvester Stallone, Arnold Schwarzenegger e Bruce Willis (coincidentemente em uma igreja) e de quebra Jet Li, Jason Statham, Dolph Lundgren e Mickey Rourke?
    A trama é bem simples, um grupo de mercenários é contratado para eliminar um ditador num pequeno país da América do Sul, o resto, dá pra imaginar. Certamente não vai concorrer ao oscar em categoria alguma e também não dá pra chamar de cinema arte, embora seja bem melhor que o sofrível Rambo 4. Nesse caso você está procurando no lugar errado, se quer arte, alugue Ladrões de Bicicleta.
    Como diz a música durante os créditos finais, The boys are back in town.

     
  • paulocarames 22:46 em 28/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , slash day,   

    Slash Day 

     
    A cidade de Hollywood declarou o dia 26 de agosto como o “Slash Day”, uma maneira de homenagear o cultuado guitarrista que em abril lançou seu primeiro álbum solo após gravar com bandas como Guns n’ Roses e Velvet Revolver. O álbum contou a participação de diferentes vocalistas em cada faixa, nomes de peso como Fergie (Black Eyed Peas), Dave Grohl (Foo Fighters), Chris Cornell (Soundgarden) e Ozzy Osbourne, entre outros.
    Uma  celebração com a apresentação de diversas bandas e, óbvio, do próprio Slash foi programada para ocorrer do dia 26 até o dia de hoje.

     
  • rafael86 12:44 em 28/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , Grandes Cidades, ,   

    Não me perguntes onde fica o Alegrete 

     
  • rafael86 2:44 em 28/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: Égua, , Morocha, mulher. gaúcho   

    Mais Bagualismo 

    Não vem morocha, te floreando toda
    Que eu não sou manso e esparramo as garras
    Nasci no inferno, me criei no mato
    E só carrapato, é que em mim se agarra

    Tu te aprochegas, reboleando os quarto
    Trocando orelha, meu instinto rincha
    E eu já me paro, todo embodocado
    Que nem matungo, quando aperta a cincha
    Aprendi a domar amanunciando égua
    E para as mulher vale as mesmas regras
    Animal, te para sou lá do rincão

    Mulher pra mim é como redomão
    Maneador nas patas e pelego na cara

    Crinuda velha, não escolha o lado
    Nos meus arreios não há quem peliche
    Tu inchas o lombo, te encaroço a laço
    Boto os cachorros e por mim que abiche

    Não te boleias que o cabresto é forte
    O palanque é grosso senta e te arrepende
    Sou carinhoso, mas incompreendido
    E pra o teu bem, vê se tu me entendes

     
  • rafael86 23:45 em 27/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: Comedor, José Serra, todo mundo   

    José Serra o Comedor!!! 

     
  • rafael86 23:39 em 27/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , Cartas, Mágica   

    Mágica 

     
  • rafael86 23:16 em 27/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: Jostein Gaarder, o Dia do Curinga,   

    O Dia do Curinga 

    Jostein Gaarder é mais conhecido como o autor de O Mundo de Sofia. Pessoalmente, eu achei O Dia do Coringa melhor e o recomendaria para todo mundo que gostou do seu livro mais famoso. É difícil definir um livro como este numa categoria qualquer. Romance, fábula, conto de fadas ? é tudo isto e muito mais. O herói da estória é um garoto norueguês de 12 anos, Hans Thomas. Ele está fazendo uma longa viagem de carro com seu pai para a Grécia; eles vão tentar encontrar a mãe do menino que abandonou o lar muitos anos antes. Entretanto, a narrativa da viagem deles em direção ao sul vai se misturando com a estória que, secretamente, Hans vai lendo enquanto seu pai dirige, bebe, filosofa e dorme em sua jornada através da Europa. No meio do caminho, Hans encontra um misterioso anão que lhe dá de presente uma lupa que, mais tarde, ele vai usar para ler um livro miniatura escondido dentro de um pão dado por um padeiro que eles conhecem numa parada. Este livrinho conta a estória de um marinheiro, cujo navio afundou, que acorda numa estranha ilha habitada por um baralho vivo. As cartas haviam tomado vida após um outro náufrago, com sua profunda imaginação, ter brincado com elas durante muito tempo; e elas acabaram ficando vivas sozinhas. Este homem era o rei agora; e aceito como tal pelos ingênuos ouros, espadas, copas e paus, estes criaram um reino para ele governar. Porém, como todo mundo sabe, todo baralho tem um coringa, a carta independente, de espírito livre, que pensa e age por si mesma. Assim como no Mundo de Sofia, esta fábula pode ser vista como uma maneira divertida de levar a filosofia até as nossas crianças. Mas, no fundo mesmo, ele é um livro para os adultos se deleitarem. Este é, sem dúvida, um conto maravilhoso que seduz as pessoas que o abrem, e fazem-nas perderem a si mesmas, encantadas pelo mundo mágico criado por Jostein Gaarder.

     
  • Leandro Araujo 23:08 em 27/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: black, Enthroned, Gorgoroth, , , , setembro   

    SETEMBRO NEGRO – Black Metal na Veia 

    Dia 6 de setembro no OPINIÃO em Porto Alegre, rola o Setembro Negro, com apresentações de Gorgoroth (Noruega), Enthroned (Bélgica). Para quem curte um black metal tradicional sem muito “enfeite”, vale a pena poluir seus ouvidos, com uma bela canção desestressante e satânica (hehe). \\oo// \\oo// \\oo//. Até lá.

    Onde: Opinião

    Horário: a partir das 18h
    Ingressos antecipados: R$ 30,00
    Ingressos no local: R$ 35,00

     
  • paulocarames 1:13 em 27/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , pateta no trânsito   

    Insanidade no volante 

    É impressionante, pra não dizer revoltante, a transformação que as pessoas sofrem quando tem um volante em suas mãos. Acaba-se a cortesia, a gentileza e a educação. Basta estar no comando de um veículo e o motorista acredita ser o dono do mundo e senhor absoluto da razão.
    Acredita a partir de então que suas demandas tem prioridade inclusive face a vida de outras pessoas. É como se não fosse mais necessário parar no sinal nem na faixa de pedestres e fosse possível estacionar em qualquer lugar.
    E tudo isto é só o começo, existe a velha mania de buzinar por qualquer motivo, ofender outros motoristas ou pedestres e ainda há aqueles que acreditam serem tão bons condutores que podem se dar ao luxo de dirigirem embriagados, o que somado ao constante desrespeito ao limite de velocidade causa inúmeras mortes e acidentes em estradas e ruas afora.
    De acordo com estatísticas recentes, no Brasil, a cada 18 minutos uma pessoa morre no trânsito.

     
  • rafael86 16:26 em 26/08/2010 Link Permanente | Resposta  

    Bobagens 

     
  • paulocarames 2:36 em 26/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , planilha   

    Planilhando 

    Provavelmente a maior invenção de todos os tempos (depois do kichute), o excel além de possibilitar ‘n’ alternativas por meio de suas planilhas tem também um easter egg, um aplicativo oculto dentro do próprio aplicativo. Testado e funcionando.
    Para ativar o jogo de corrida de carro no Excel 2000, faça o seguinte:
    1) Execute o Excel 2000 e crie uma Nova planilha.
    2) Agora clique no menu Arquivo e vá a opção Salvar Como Página da Web.
    3) Marque a opção Seleção: Planilha e marque a opção Adicionar interatividade, selecione a Pasta aonde deseja salvar, pois você vai precisar ir nela depois, e em seguida clique em Publicar irá surgir outra tela clique novamente em Publicar, agora sim pode fechar o Excel.
    4) Agora entre na Pasta aonde foi você salvou o arquivo e execute-o pelo no Internet Explorer.
    5) Desça até chega a linha 2000, e vá até a coluna WC, chegando na linha WC clique em cima do Nº 2000 e agora aperte TAB até chegar novamente a coluna WC, aonde ele fica em destaque em branco. Deve ficar conforme a imagem abaixo:
    6) Agora e só segurar Ctrl+Alt+Shift e clique no logotipo do Office que aparece na tela, que está no canto superior esquerdo da tela.
    7) Teclas: Tecla para cima Acelera, para baixo Reduz, a barra de espaço para Atira, H acende os Faróis, O para soltar óleo na pista.

    • Só funciona no Excel 2000, versões superiores ou anteriores não irá funcionar, ele requer o Office Web Components; se não estiver instalado, a janela abrirá automaticamente, e deve-se clicar em sim para instalar em seu navegador, meio complicado
     
  • paulocarames 2:12 em 26/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , dirty sexy money, , , , , , tudors   

    Poder e Cobiça: Tudors / Dirty Sexy Money 

    Lado A – Tudors (2007-2010)
    Seriado retratando a vida de Henrique VIII na Inglaterra do século 16. Jonathan Rhys Meyers (Elvis, Dupla Implacável) interpreta o polêmico monarca que não hesitou em quebrar alianças com outras nações ou mesmo com a igreja cada vez que pretendia trocar de esposa ou justificar algum de seus relacionamentos extra-conjugais. Indicado a três Globos de Ouro.

    Lado B – Dirty Sexy Money (2007-2009)
    Com um elenco cheio de estrelas, entre elas Donald Sutherland e William Baldwin, a série narra o dia-a-dia de Nick George (Peter Krause), advogado idealista que representa os interesses da problemática e multi-bilionária família Darling na Nova York contemporânea. Um filho, senador, envolvido com uma transexual e uma filha que troca de marido como quem troca de roupa é apenas uma amostra dos escândalos em que esta família está envolvida.

     
  • paulocarames 1:24 em 26/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , inglês para viagem   

    Inglês para viajantes, literalmente 

    Tea with me that I book your face.
    Chá comigo que eu livro sua cara.

    Wrote, didn’t read, the stick ate.
    Escreveu, não leu, o pau comeu.

    She is full of nine o’clock.
    Ela é cheia de nove horas.

    I need to take water out of my knee.
    Preciso tirar água do joelho.

    Hot saw hot see.
    Quente viu quente vê.

    I am more I.
    Eu sou mais eu.

    Do not come that it does not have…
    Não vem que não tem…

    To release the hen.
    Soltar a franga.

    Between, my well.
    Entre, meu bem.

    I am completely bald of knowing it.
    Tô careca de saber.

    To kill the snake and show the stick.
    Matar a cobra e mostrar o pau.

    Can you please break my branch?
    Você pode quebrar meu galho?

    The wood is eating.
    O pau tá comendo.

    Uh! I burned my movie! Oh!
    Queimei meu filme!

    I’m with you and I don’t open.
    Estou contigo e não abro.

    I will wash the mare.
    Vou lavar a égua

    You travelled on the mayonaise.
    Você viajou na maionese.

    I have to peel this pineapple.
    Tenho que descascar esse abacaxi.

    Who advises friend is.
    Quem avisa amigo é.

    Do you think this is the house of mother Joanne?
    Tá pensando que isso é a casa da mãe Joana?

    Go catch little coconuts.
    Vai catar coquinho.

    You are by out.
    Você está por fora.

    You are very face of wood!
    Você é muito cara de pau!

    If you run the beast catches, if you stay the beast eats.
    Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come.

    Ops, gave Zebra.
    Ops, deu zebra.

    They are trying to cover the sun with the sieve.
    Eles estão tentando cobrir o sol com a peneira.

    Don’t fill my bag.
    Não encha meu saco.

    It already was!
    Já era!

    Before afternoon than never.
    Antes tarde do que nunca.

    Go to dry up ice!
    Vai enxugar gelo!

    Go comb monkeys!
    Vai pentear macaco!

    Do you want a good-good?
    Você quer um bombom?

    The cow went to the swamp.
    A vaca foi pro brejo.

     
  • paulocarames 1:21 em 26/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , lost, , pacific, ,   

    Emmy 2010 | Indicados ao prêmio 

    Definida a lista de indicados ao Emmy 2010 que premia os melhores da TV americana. A cerimônia ocorrerá dia 29 de agosto. The Pacific lidera as indicações:

    Melhor série dramática
    •Lost
    •Breaking Bad
    •Dexter
    •Mad Men
    •True Blood
    •The Good Wife

    Melhor série de humor
    •Glee
    •Modern Family
    •Curb Your Enthusiasm
    •Nurse Jackie
    •30 Rock
    •The Office
    •Curb Your Enthusiasm

    Melhor atriz em série dramática
    •Julianna Margulies (The Good Wife)
    •Mariska Hargitay (Special Victims Unit)
    •Glenn Close (Damages)
    •Kyra Sedgwick (The Closer)
    •January Jones (Mad Men)
    •Connie Britton (Friday Night Lights)

    Melhor ator em série dramática
    •Jon Hamm (Mad Men)
    •Kyle Chandler (Friday Night Lights)
    •Bryan Cranston (Breaking Bad)
    •Hugh Laurie (House M.D.)
    •Michael C. Hall (Dexter)
    •Matthew Fox (Lost)

    Melhor atriz em série de humor
    •Lea Michele (Glee)
    •Tina Fey (30 Rock)
    •Toni Collette (The United States of Tara)
    •Julia Louis-Dreyfus (The New Adventures of Old Christine)
    •Edie Falco (Nurse Jackie)
    •Amy Poehler (Parks and Recreation)

    Melhor ator em série de humor
    •Larry David (Curb Your Enthusiasm)
    •Alec Baldwin (30 Rock)
    •Matthew Morrison (Glee)
    •Steve Carell (The Office)
    •Jim Parsons (The Big Bang Theory)
    •Tony Shalhoub (Monk)

    Melhor ator coadjuvante em série de humor
    •Chris Colfer (Glee)
    •Neil Patrick Harris (How I Met Your Mother)
    •Jesse Tyler Ferguson (Modern Family)
    •Jon Cryer (Two and A Half Men)
    •Eric Stonestreet (Modern Family)
    •Ty Burrell (Modern Family)

    Melhor ator coadjuvante em série dramática
    •John Slattery (Mad Men)
    •Aaron Paul (Breaking Bad)
    •Martin Short (Damages)
    •Terry O’ Quinn (Lost)
    •Michael Emerson (Lost)
    •Andre Braugher (Men of a Certain Age)

    Melhor atriz coadjuvante em série dramática
    •Sharon Gless (Burn Notice)
    •Christine Baranski (The Good Wife)
    •Christina Hendricks (Mad Men)
    •Rose Byrne (Damages)
    •Archie Panjabi (The Good Wife)
    •Elisabeth Moss (Mad Men)

    Melhor atriz coadjuvante em série de humor
    •Jane Lynch (Glee)
    •Kristen Wiig (Saturday Night Live)
    •Jane Krakowski (30 Rock)
    •Julie Bowen (Modern Family)
    •Sofia Vergara (Modern Family)
    •Holland Taylor (Two and A Half Men)

    Melhor minissérie
    •The Pacific
    •Return to Cranford

    Melhor telefilme
    •Endgame
    •Georgia O’Keeffe
    •Moonshot
    •The Special Relationship
    •Temple Grandin
    •You Don’t Know Jack

    Melhor ator em minissérie ou telefilme
    •Jeff Bridges (A Dog Year)
    •Ian McKellen (The Prisoner)
    •Michael Sheen (The Special Relationship)
    •Al Pacino (You Don’t Know Jack)
    •Dennis Quaid (The Special Relationship)

    Melhor atriz em minissérie ou telefilme
    •Maggie Smith (Capturing Mary)
    •Joan Allen (Georgia O’Keeffe)
    •Judi Dench (Return to Cranford)
    •Hope Davis (The Special Relationship)
    •Claire Danes (Temple Grandin)

    Melhor ator coadjuvante em minissérie ou telefilme
    •Michael Gambon (Emma)
    •Patrick Stewart (Hamlet)
    •Jonathan Pryce (Return to Cranford)
    •David Strathairn (Temple Grandin)
    •John Goodman (You Don’t Know Jack)

    Melhor atriz coadjuvante em minissérie ou telefilme
    •Kathy Bates (Alice)
    •Julia Ormond (Temple Grandin)
    •Catherine O’Hara (Temple Grandin)
    •Brenda Vaccaro (You Don’t Know Jack)
    •Susan Sarandon (You Don’t Know Jack)

    Melhor programa de variedades
    •The Colbert Report
    •The Daily Show with Jon Stewart
    •Real Time with Bill Maher
    •Saturday Night Live
    •The Tonight Show with Conan O’Brien

     
  • rafael86 15:05 em 25/08/2010 Link Permanente | Resposta  

    Só pra melhorar o visual 

    Bem jeitosinha!!!

     
  • Leandro Araujo 13:38 em 25/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , ,   

    Conceito nada original 

    Conceito sobre políticos, aproveitando o momento.

    De qualquer forma continuo gostando de política, ao contrário de muitos, que não gostam nem de ouvir falar sobre o assunto. Mas, vamos lá nessas eleições escolham o seu parasita menos pior.

     
  • paulocarames 4:17 em 25/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , ,   

    Toy Dolls em Porto Alegre 

    A lendária banda punk inglesa se apresenta em solo gaúcho no próximo mês. Um dos poucos remanescentes da época em que as coisas não eram só ‘ctrl + c, ctrl+ v’.

    23/09/2010 – Porto Alegre/RS
    Bar Opinião – Rua José do Patrocínio, nº 834
    Horário: 23h00
    Ingressos: R$ 30,00 (1º lote), R$ 40,00 (2º) e R$ 50,00 (3º)
    Vendas e informações: 51 8401-0114 / http://www.opiniao.com.br

     
  • paulocarames 3:25 em 25/08/2010 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , a queda, , , , , minha quase verdadeira história, nazismo, ,   

    “O Reich vai durar mil anos”, não durou 10: A Queda / Minha Quase Verdadeira História 

    Lado A – A Queda! As Últimas Horas de Hitler (Der Untergang) 2004

    Narrado a partir da visão de Trauld Junge (secretária de Hitler) A Queda conta, como o título indica, as últimas horas no bunker do alto comando nazista no final da segunda guerra mundial. Acuado pela investida soviética Berlim adentro, vemos um Hitler que tenta desesperadamente encontrar um meio de retomar a vantagem em uma guerra que há muito fora perdida. Depois de inúmeras ações frustradas numa guerra extensa e dispendiosa o terceiro reich presensiava seu fim.
    O filme concorreu ao Oscar de melhor filme estrangeiro e a cena em que Hitler finalmente é informado a respeito da real situação das tropas é memorável. Além de ter virado paródia para toda e qualquer situação.

    Lado B – Minha Quase Verdadeira História (Mein Führer – Die wirklich wahrste Wahrheit über Adolf Hitler) 2007Minha Quase Verdadeira História é a pretensa única história verdadeira, de verdade (desculpem a insistência) daquele que foi uma das personalidades mais contestadas do século passado. A partir de uma crise existencial, Hitler recorre a Adolf (não confundir, são dois personagens diferentes mesmo) que lhe dá diversos conselhos e age como um terapeuta do ditador.
    Enquanto Hitler tenta resolver seus dilemas pessoais, seus mais graduados oficiais tentam encontrar uma maneira de eliminar o Führer e tomar o poder.

     
c
escrever novo post
j
post seguinte/ comentário seguinte
k
post anterior/comentário anterior
r
Resposta
e
Editar
o
mostrar/esconder comentários
t
voltar ao topo
l
vá para login
h
mostrar/ocultar ajuda
shift + esc
Cancelar
%d blogueiros gostam disto: