Então, Johnny Cash e Elvis Presley são irmãos?: Elvis, Início de uma Lenda / Johnny and June


Lado A – Elvis O Início de uma Lenda (Elvis) 2005
Nos anos 50 Elvis Presley (Jonathan Rhys Meyers) gravou pela Sun Records a música That’s Alright, Mama e a partir de então obteve sucesso meteórico, tornando-se o maior artista da época. Presley teve de servir o exército na Alemanha, neste período perdeu sua mãe, fato que influenciou sua vida desde então.
Ironicamente, deste ponto em diante tornou-se praticamente um mito. Após sucessos de vendagem Elvis dedicou-se ao cinema nos anos 1960 tendo feito 32 filmes, nem todos aclamados pelo público ou pela crítica.
Neste filme, além dos maiores sucessos do Rei do Rock, conhecemos seu problema com a dependência em remédios, seu casamento com Priscilla e o misterioso relacionamento com o coronel Tom Parker, seu empresário desde o período seguinte à sua saída da gravadora Sun Records.
Assim como em Johnny and June que retrata a vida de Johnny Cash, contemporâneo de Elvis, o filme não aborda todo período de vida do astro. Ao invés disto temos 4 horas de uma riquíssima reconstrução dos primórdios da carreira até o show Comeback Special que marcou a volta triunfal do rei após um período de trabalhos criticados no cinema.

Lado B – Johnny and June (Walk the Line) 2005
A vida do rebelde e polêmico cantor Johnny Cash (Joaquin Phoenix) desde sua infância, o começo da carreira com as primeiras gravações para a lendária Sun Records e as turnês com Elvis Presley e Jerry Lee Lewis.
Seu casamento conturbado, sua prisão em decorrência do vício em anfetaminas e sua obsessão pelo seu verdadeiro amor June Carter (Reese Whiterspoon) – que o ajudou a recuperar-se da dependência e retomar o caminho do sucesso com o disco At Folsom Prison de 1968. A história deste ícone da música, permeada pelos seus maiores hits.
Assim como em Elvis O Início de uma Lenda, Robert Patrick (Arquivo X, e eterno T-1000 de Exterminador do Futuro 2) – que interpretou o pai de Elvis, aqui, interpreta o pai de Johnny Cash.