Filme – King Kong (King Kong) 1933/1976/2005



Trama:
Um cineasta decide viajar com sua equipe para filmagens em uma ilha desconhecida e distante. Lá, deparam-se com um gigantesco macaco que é venerado pelos nativos locais. Após apaixonar-se pela linda atriz integrante do grupo, o primata é capturado e levado para Nova Iorque para ser usado como uma bizarra atração. Ele escapa e fica à solta em meio aos arranha-céus. A partir de então, ele é perseguido pelas ruas da cidade até que escala o topo do Empire State Building e é atacado por aviões que tentam abatê-lo.

Principais Diferenças:
1933 – Com duração de pouco mais de 1 hora e meia, é a história original conforme apresentado acima;
1976 – Somando duas horas, desta vez, ao invés de uma equipe de cineastas, é uma empresa petrolífera que ruma à ilha em busca de lençóis de petróleo. No caminho, salvam a náufraga Dwan (Jessica Lange) por quem o macaco se apaixona. Kong, nesta versão, escala o World Trade Center;
2005 – Com a riqueza de recursos e efeitos disponíveis, é recriado o ambiente dos anos 1930 conforme o original de 1933 adicionando-se elaboradas cenas de interação entre o primata e sua musa.

Qual assistir:
As mudanças são tão sutis entre as três versões que defintivamente a versão de 2005 supera as demais pelas diferenças tecnológicas que apresenta e pelo elenco galático, além das 3 horas de duração.