Livro – Pra Ser Sincero, 123 variações sobre um mesmo tema


É consideravelmente difícil encontrar uma boa referência bibliográfica que aborde o rock nacional, imagine o rock gaúcho então. As principais fontes de informação sempre foram revistas especializadas e artigos em cadernos de cultura de jornais locais.
Lançado em 11 de janeiro deste ano, no aniversário do primeiro show da banda, Pra Ser Sincero narra os 25 anos da carreira de Humberto Gessinger e por consequência a saga dos Engenheiros do Hawaii – do começo improvável em 1985 passando pelos primeiros discos, as turnês internacionais e diferentes formações, culminando no recente projeto Pouca Vogal (que além de Humberto conta com Duca Leindecker da Cidadão Quem).
Em 304 páginas além da história da banda e de seu messiânico líder, contada nas palavras do próprio Gessinger, estão presentes as letras de 123 das principais músicas de sua carreira e uma grande quantidade de fotos e capas de revistas estampadas pelos responsáveis por hinos como Infinita Highway, O Papa é Pop e Longe Demais das Capitais.
Um registro há muito merecido e aguardado pelos fãs e que segue a máxima Gessingeriana refletindo a temática de seus lançamentos fonográficos: uma composição repleta de clichês e trocadilhos, a identidade visual característica dos Eng Haw e outros tantos detalhes que fizeram deles o maior expoente que o rock gaúcho já teve.
Parafraseando a nota final do livro, assim como as notas que encerravam os encartes de cada LP da banda,
Post composto na primavera de 2010 utilizando o editor do wordpress. Editora Belas Letras, 304 páginas.

Anúncios