Atualizações de setembro, 2011 Ativar/desativar aninhamento de comentários | Atalhos do Teclado

  • carames 4:15 em 30/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: A pior comemoração de todos os tempos, ,   

    A pior comemoração de todos os tempos 

    Anúncios
     
  • carames 1:16 em 29/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , Morre Redson, , , vocalista do Cólera   

    Morre Redson, vocalista do Cólera 


    Morreu na noite de ontem (27/9/2011), aos 49 anos, o guitarrista e vocalista Edson Pozzi (na foto, à direita – na última passagem da banda pelo RS).

    Redson, como era conhecido, junto com o irmão (o baterista Carlos Lopes Pozzi – o Pierre) e o baixista Val Pinheiro formaram em 1979 o Cólera – um dos pioneiros do punk rock nacional.

    A banda participou das principais coletâneas nos primórdios do punk no país (algumas lançadas pelo selo Ataque Frontal, do qual Redson era um dos sócios): Grito Suburbano de 1982 (com Olho Seco e Inocentes), SUB de 1983 (com Ratos de Porão, Psykóze e Fogo Cruzado) e Ataque Sonoro de 1985 na qual dividiu espaço com Garotos Podres, Ratos de Porão e Lobotomia.

    Gravaram ainda um álbum split com Ratos de Porão, ao vivo no Teatro Lira Paulistana. Estes álbuns, com baixa tiragem (em alguns casos, poucas centenas), se tornariam itens de colecionador procurados ainda hoje por apreciadores do gênero.

    Redson e cia se destacaram pelo seu ativismo contra a violência e em favor da natureza tanto nas letras de suas músicas quanto na arte da capa em seus discos.

    A primeira informação sobre a morte foi dada por Val no perfil da banda no Orkut: “lamento informar a todos os nossos amigos, fãs e família que o nosso principal membro da banda Cólera, Redson, faleceu hoje, deixando um legado incalculável em nossas vidas”. A partir de então o Facebook e o twitter receberam inúmeras manifestações de pesar de fãs que respeitavam e admiravam o trabalho do Cólera.

    Atualmente, o Cólera fazia uma extensa turnê (que incluiu o Rio Grande do Sul em junho passado) em comemoração dos 30 anos da banda, por todo o Brasil. Eles foram os primeiros artistas da cena alternativa nacional a excursionar pela Europa – viagem que rendeu um disco ao vivo em 1988.

    Álbuns de estúdio:
    Tente Mudar o Amanhã (LP, 1984, Ataque Frontal)
    Pela Paz em Todo Mundo (LP, 1986, Ataque Frontal)
    Verde, Não Devaste! (LP, 1989, Devil Discos)
    Mundo Mecânico, Mundo Eletrônico (LP, 1991, Devil Discos)
    Caos Mental Geral (CD, 1998, Devil Discos)
    Deixe a Terra em Paz! (CD, 2004, Devil Discos)

    Álbuns ao vivo:
    split-LP c/Ratos de Porão (LP, 1985, Ataque Frontal)
    European Tour ’87 (LP, 1988, A. Indie Records)
    20 Anos ao Vivo (CD, 2002, Devil Discos)

    EPs:
    Dê o Fora (7″ EP, 1986, Hageland Records)
    É Natal!!? (12″ EP, 1987, Ataque Frontal)

    Coletâneas:
    Grito Suburbano – The Best of (CD e LP, 2004, Dirty Faces)
    Primeiros Sintomas (CD, 2006)

    A repercussão em alguns veículos oficiais:
    Zero Hora
    UOL
    Rolling Stone Brasil
    Terra



     
  • carames 2:58 em 28/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , Sandra Annenberg revoltada com a juventude   

    Sandra Annenberg revoltada com a juventude 

     
  • carames 1:19 em 27/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , Halloween, , , michael myers, psicopata, , , ,   

    Filme – Halloween (Halloween) 2007 


    Sheri Moon (nascida em 26/9/1970) é esposa do diretor Rob Zombie (ex-líder do White Zombie) que, a exemplo de outros diretores como Woody Allen (Scarlett Johansson), Pedro Almodóvar (Penélope Cruz) e Alfred Hitchcock (Ingrid Bergman), elegeram suas musas e estabeleceram uma parceria de trabalho com elas.

    Juntos, o casal Zombie fez A Casa dos mil corpos (2003), Rejeitados pelo diabo (2005) e Halloween II (2009) além de Halloween (2007) onde Sheri Moon interpreta a mãe do perturbado Michael Myers (um garoto excluído pelos colegas na escola e maltratado em casa pelo namorado de sua mãe).

    Não é de hoje que a inspiração para novos filmes é artigo raro, principalmente em Hollywood. O resultado é a onda de remakes que a cada mês toma conta dos lançamentos no cinema. Mas outros artifícios também são usados como transpor pra tela grande, livros que foram sucesso de venda.

    Na falta de uma boa história, outra febre são as versões ‘o início’ que procuram explicar o princípio de tramas já consagradas e, em geral, esgotadas pelo tempo.

    Zombie conseguiu renovar a saga de John Carpenter sobre o assassino mascarado elucidando os acontecimentos que transformaram Myers no assassino frio e implacável que fez sucesso nos anos 1980 mas acabou deixado de lado nos últimos anos por conta de histórias fracas e mal conduzidas.

    Na trama co-escrita por Carpenter e Zombie, Myers (que aos 10 anos de idade maltratava pequenos animais) é internado em um hospital psiquiátrico após uma chacina na qual mata a irmã, seu namorado e o namorado de sua mãe, uma stripper que escapa da matança junto com a filha recém nascida.

    Myers fica 17 anos preso e quando foge do hospital, parte à caça de sua irmã dando sequência aos seus instintos psicopatas.

    O filme segue o modelo de Hannibal a origem do mal (2007), O Massacre da Serra Elétrica (2006) e O Exorcista (2004) que tiveram suas histórias revistas com foco na origem dos protagonistas.


     
  • carames 1:13 em 26/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , Pq o rock in rio é tão ruim???, , ,   

    Pq o rock in rio é tão ruim??? 

    O assunto do momento é o tal do festival de ‘rock’ que acontece na tal ‘cidade maravilhosa’.

    Faço coro aos descontentes que se ressentem por não termos um festival verdadeiramente roqueiro como acontece em outros países.

    Seja ele de hardcore (Warped Tour), metal (Ozzfest, Monsters of Rock) ou um mix de gêneros (Download Festival, Graspop, Sonisphere, Rock Am Ring, Lollapalooza e Coachella).

    A choradeira é grande e (ao contrário do que muitos pensam) o Rock in Rio não piorou, apenas não melhorou. Salvo poucas bandas de qualidade, o que era ruim, continua ruim. O que separa o lineup das duas últimas edições é a marca de 10 anos, pois a escalação é no mínimo, equivalente. Dá uma conferida:

    2001 / 2011
    Ira e Ultraje a Rigor / Paralamas do Sucesso e Titãs
    Sandy e Junior / Claudia Leitte
    Britney Spears / Katy Perry
    Carlinhos Brown / Nx Zero
    Rob Halford / Stone Sour
    Capital Inicial / Capital Inicial
    Oasis / Snow Patrol
    Red Hot Chili Peppers / Red Hot Chili Peppers
    Foo Fighters / Motörhead
    Sepultura / Slipknot
    Iron Maiden / Metallica
    R.E.M. / Jamiroquai
    Pato Fu / Jota Quest
    Cássia Eller / Pitty
    Papa Roach / Evanescence
    Silverchair / System of a Down
    Guns N’ Roses / Guns N’ Roses


     
  • carames 0:24 em 26/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , 20 anos, Blood Sugar Sex Magik, give it away, gus van sant, , , , , suck my kiss, under the bridge   

    LP/CD – Red Hot Chili Peppers – Blood Sugar Sex Magik 1991 


    Definitivamente, o ano de 1991 é um divisor de águas na história do rock. Depois do boom punk do final dos anos 1970, a década seguinte foi dominada por bandas de hard rock que se destacaram mais pela extravagância com drogas e estrelismo do que pela qualidade das músicas que apresentavam.

    Em 1991, graças à qualidade dos discos lançados, era possível ouvir rock até mesmo nas menores estações de rádio. Mesmo disputando espaço com outros gêneros (sertanejo e dance music no caso do Brasil) as bandas de rock ‘alternativo’ haviam chegado ao mainstream.

    São deste mesmo ano clássicos absolutos como Nevermind (Nirvana), Black Album (Metallica), Ten (Pearl Jam), os duplos Use Your Illusion vol I e II (Guns n’ Roses) assim como o próprio Blood Sugar Sex Magik.

    A capa foi clicada pelo cineasta Gus Van Sant e o álbum produzido por Rick Rubin, (Beastie Boys, Slayer, Johnny Cash) vendeu mais de 13 milhões de cópias e impulsionou a carreira dos Chili Peppers que passaram a excursionar mundo afora e ter seus clipes exibidos exaustivamente pela MTV.

    Tamanha exposição resultou na saída do guitarrista John Frusciante, que teve dificuldades em enfrentar a fama decorrente do sucesso do disco. São deste álbum hits absolutos, não só da banda, mas da discografia definitiva do rock como Suck my Kiss, Give it Away e Under the Bridge.

    O disco consolidaria a fusão funk/metal que a banda apresentara nos quatro álbuns anteriores, porém, com um impacto que alçaria a banda aos olhos do grande público, com direito a trilha sonora de novela da Globo.

    Tracklist:
    01.”The Power of Equality” 4:03
    02.”If You Have to Ask” 3:37
    03.”Breaking the Girl” 4:55
    04.”Funky Monks” 5:23
    05.”Suck My Kiss” 3:37
    06.”I Could Have Lied” 4:04
    07.”Mellowship Slinky in B Major” 4:00
    08.”The Righteous and the Wicked” 4:08
    09.”Give It Away” 4:43
    10.”Blood Sugar Sex Magik” 4:31
    11.”Under the Bridge” 4:24
    12.”Naked in the Rain” 4:26
    13.”Apache Rose Peacock” 4:42
    14.”The Greeting Song” 3:14
    15.”My Lovely Man” 4:39
    16.”Sir Psycho Sexy” 8:17
    17.”They’re Red Hot (Robert Johnson)” 1:12



     
  • carames 1:53 em 25/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , Jô soares humilha bispo da Igreja universal   

    Jô soares humilha bispo da Igreja universal 

    Depois do Junta os dedos do Padre chegou a vez de juntar os dedos do bispo:

     
  • carames 16:00 em 24/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , 24 de agosto de 1979, , , , , , , , , , , pj soles, , , , , , , , , , , ,   

    LP/CD/VHS/DVD – Ramones: Rock n’ roll High School 1979 


    Em 1979 Roger Corman já era um produtor de cinema conhecido por suas produções de baixo orçamento e de qualidade, no mínimo, questionável. Ele foi convencido pelo diretor Alan Arkush a produzir um filme sobre uma banda de rock que virava uma escola de pernas pro ar.

    A história de Arkush (que em princípio teria o Cheap Trick no papel principal) inclui todos os clichês que filmes americanos sobre escola costumam abordar como a briga entre veteranos e calouros e o tédio das aulas de educação física.

    Tom Roberts é o capitão do time de futebol mas mesmo assim não consegue arrumar namorada. Sua única cantada é ‘falar sobre as condições climáticas’ e não tem feito sucesso com as garotas. Tentando deixar de lado esta imagem ele procura EaglebauerClint Howard de Halloween, O Ínicio (2007), um especialista em conseguir resultados de provas, passes para faltar aula e em casos extremos, encontros românticos.

    O escritório de Eaglebauer fica estrategicamente instalado no banheiro masculino e é bastante concorrido. Roberts chega a conclusão que o melhor para sua imagem seria envolver-se com alguém descolado como Riff RandellP.J. Soles de Halloween, A Noite do Terror (1978) e Carrie, a Estranha (1976).

    Randell é fã dos Ramones e está mais preocupada em ir ao show que a banda fará na cidade e, claro, vai tentar conhecê-los pessoalmente e entregar uma música que escreveu para que eles a gravem (a rn’roll high school do título). Em seu caminho está a nova diretora (Togar) que não vê o rock como boa influência para os alunos e quer fazer de Randell exemplo para os demais.

    Seria apenas mais um filme na carreira de Corman/Arkush caso não tivesse Joey, Johnny, Dee Dee e Marky interpretando a si mesmos. E não quero dizer com isto que seus desempenhos sejam dignos de grandes notas (Dee Dee por exemplo tem uma única fala no filme inteiro e que teve dificuldade em excecutar: “uau, pizza”).

    Infelizmente o filme falha onde outros tiveram êxito como Curtindo a vida adoidado (1986), Porky’s (1982) e mais tarde Escola de Rock (2003) com Jack Black.

    Lançado em 24 de agosto de 1979 ao custo de 300 mil dólares o filme tem cenas que são justificadas pelo baixíssimo orçamento e o pouco tempo (3 semanas) de produção. Numa destas cenas, Togar explica como ratos de laboratório explodem se expostos ao punk rock dos Ramones (mais tarde um rato gigante vai ao show da banda).

    A trilha sonora tem Ramones, Chuck Berry e Alice Cooper e ainda PJ Soles que interpreta a faixa título. Os Ramones contribuem com Rock n’ Roll High School (mais tarde incluída em End of The Century), a inédita I Want you Around, uma parceria com os The Paley Brothers e um medley ao vivo de músicas que eram comuns em seus shows naquela época. Outras músicas deles estão no filme, embora não façam parte da trilha sonora, como Sheena is a Punk Rocker, Questioningly e I wanna be your boyfriend.

    Alguns momentos isolados merecem destaque como a sequência da banda chegando ao The Roxy tocando I Just want to have something to do ou o chefe de polícia concluindo que a banda é formada por gente ‘muito, muito feia’ – mesmo assim, estariam melhor em um clipe da banda do que em um filme de Corman.

    O fato da diretora fazer uma fogueira com os discos dos alunos serve de catalizador para uma rebelião que faz a escola ir pelos ares ao som de Rock n’ roll high school. Os Ramones chegam à escola e são logo questionados pela diretora que pergunta ao quarteto: ‘seus pais sabem que vocês são os Ramones?’. Pura diversão sem nenhuma pretensão artística.

    Ficha Técnica:
    Sire Records – produzido por Ed Stasium

    Joey Ramone – vocal
    Johnny Ramone – guitarra
    Dee Dee Ramone – baixo, backing vocal
    Marky Ramone – bateria

    Edição Original (Sire Records)
    Lado A:
    01. “Rock N Roll High School” (Joey Ramone) – 2:13
    02. “I Want You Around” (Ramones) – 3:06
    03. “Come On Let`s Go” (Ritchie Valens) – 2:11 by The Paley Brothers and The Ramones
    04. “Ramones Live Medley: Blitzkrieg Bop/Teenage Lobotomy/California Sun/Pinhead” (Ramones) – 11:00
    05. “So It Goes” (Nick Lowe) – 2:28 by Nick Lowe
    06. “Energy Fools The Magician” (Brian Eno) – 2:03 by Brian Eno
    Lado B:
    07. “Rock N Roll High School” (Joey Ramone) – 2:11 by PJ Soles
    08. “Come Back Jonee” (Devo) – 3:44 by Devo
    09. “Teenage Depression” (Dave Higgs) – 2:54 by Eddie & The Hot Rods
    10. “Smoking In The Boy`s Room” (Cub Koda, Michael Lutz) – 2:55 by Brownsville Station
    11. “School Days” (Chuck Berry) – 2:40 by Chuck Berry
    12. “Dream Goes On Forever” (Todd Rundgren) – 2:22 by Todd Rundgren
    13. “School`s Out” (Alice Cooper) – 3:24 by Alice Cooper


    Versão em CD:
    ramones-rocknrollhighschoolbrasil1
    ramones-rocknrollhighschoolbrasil2
    ramones-rocknrollhighschoolbrasil3
    ramones-rocknrollhighschoolbrasil4ramones-rocknrollhighschoolbrasil5

    Edição em VHS:
    ramones-rocknrollschooljapan1ramones-rocknrollschooljapan3ramones-rocknrollschooljapan2
    VIDEO04aVIDEO04b

    Edição em DVD:
    ramones-rocknrollhighschooldvd1
    ramones-rocknrollhighschooldvd2
    ramones-rocknrollhighschooldvd3
    ramones-rocknrollhighschooldvd4
    ramones-rocknrollhighschooldvd5
    ramones-rocknrollhighschooldvd6
    ramones-rocknrollhighschooldvd7
    ramones-rocknrollhighschooldvd8
    ramones-rocknrollhighschooldvd9
    ramones-rocknrollhighschooldvd10
    ramones-rocknrollhighschooldvd11
    ramones-rocknrollhighschooldvd12
    ramones-rocknrollhighschooldvd13
    ramones-rocknrollhighschooldvd14
    rock n roll high school us 1
    rock n roll high school us 2
    rock n roll high school us 3

    Singles:






    Mais sobre o disco*:

    rockscene-set1979-2rnroll high school press release
    rnroll high school promornroll high school promo 2

    • artigos publicados na revista Metal Head Especial nº 11, General Especial e Rock Scene set 1979.



     
  • carames 2:22 em 24/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , mashup, , , tati quebra barraco   

    A organização do Rock in Rio devia tá vendo este vídeo quando escolheu as bandas 

     
  • carames 0:45 em 23/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , Exposição em Berlim mostra 80 anos de cinema através dos storyboards, , , storyboard   

    Exposição em Berlim mostra 80 anos de cinema através dos storyboards 


    Antes do diretor meter a mão na massa e começar a filmar, o processo que envolve a criação de um filme inclui a produção de um roteiro, o que logo é seguido pela storyboard.

    A técnica que mais parece uma história em quadrinhos foi criada nos anos 1920 mas foi desenvolvida mesmo por Walt Disney, responsável por Os três porquinhos de 1933, o primeiro filme a ter um storyboard completo.

    Até o final da mesma década todos os estúdios haviam adotado esta maneira de antever o filme, cena a cena. Alfred Hitchcock, por exemplo, dizia que não precisava conferir o resultado na película pois se o filme tivesse sido captado de forma adequada, respeitando seu storyboard, nada mais precisaria ser acrescentado.

    Até 27 de novembro, no Museu do Cinema em Berlim, serão exibidos storyboards de diretores renomados como Francis Ford Coppola, Alfred Hitchcock e Steven Spielberg que retratam 80 anos de cinema em peças que mais parecem obras de arte inspiradas em Michelangelo, Leonardo da Vinci e Van Gogh.


     
  • carames 1:44 em 22/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , sea of memories   

    CD – Bush: Sea of Memories 2011 


    A Zuma Rock Records – selo do vocalista e guitarrista Gavin Rossdale, deve lançar em outubro o disco Sea of Memories, novo registro da banda inglesa Bush.

    O disco quebra uma sequência de dez anos sem gravações (o último álbum havia sido Golden State de 2001) e que deixou como saldo apenas Rossdale e o baterista Robin Goodridge da formação original que iniciou as atividades em 1992.

    Nos últimos anos Rossdale dedicou-se a um projeto chamado Institute e atuou como ator em filmes como Constantine ao lado de Rachel Weisz e Keanu Reeves.

    Já a produção do disco ficou por conta de Bob Rock (Metallica, Aerosmith e Offspring) que conseguiu entegar um disco médio com bom momentos como The sound of Winter e All night doctors.

    Superior a Golden State, embora longe do brilho dos principais trabalhos da banda – Sixteen Stone (1994) e Razorblade Suitcase (1996).

    Tracklist:
    01- The Mirror Of The Signs
    02- The Sound Of Winter
    03- All My Life
    04- The Afterlife
    05- All Night Doctors
    06- Baby Come Home
    07- Red Light
    08- She’s A Stallion
    09- I Believe In You
    10- Stand Up
    11- The Heart of the Matter
    12- Be Still My Love


     
  • carames 1:05 em 22/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: 1923, , , , Filme inédito de Hitchcock será exibido nos EUA, The White Shadow   

    Filme inédito de Hitchcock será exibido nos EUA 


    Antes de ser conhecido como mestre do suspense, Alfred Hitchcock trabalhou como ajudante de diretor e também desenhando cartões para filmes mudos.

    Em 1923, antes do lançamento de seu primeiro filme como diretor (The Pleasure Garden de 1925) ele atuou como diretor de arte no filme The White Shadow, dirigido pelo britânico Graham Cutts. A história é a de duas irmãs de personalidades opostas.

    Especialistas que já tiveram a chance de assistir a esta relíquia afirmam que a direção já apresentava o toque de Hitchcock apesar de não ser assinada por ele. O filme foi descoberto recentemente na Nova Zelândia e havia sido etiquetado equivocadamente, sendo assim, ninguém sabia o seu real conteúdo.

    A primeira exibição nos Estados Unidos deverá ocorrer na próxima quinta-feira na Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, responsável pela organização do Oscar.

     
  • carames 1:03 em 22/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , R.E.M. anuncia o fim das atividades,   

    R.E.M. anuncia o fim das atividades 


    Enquanto tanta banda de gosto questionável continua por aí perturbando ouvidos alheios, uma das melhores bandas da história anunciou que está encerrando as atividades.

    “Para nossos fãs e amigos: Como R.E.M., e como amigos e co-conspiradores pela vida toda, nós resolvemos encerrar as atividades da banda. Nós saímos com um senso de gratidão, de finalização e de admiração por tudo que conquistamos. Para todo mundo que se sentiu tocado por nossa música, nossos mais profundos agradecimentos por ouvi-la. R.E.M.”

    Com 15 discos de estúdio (o mais recente lançado este ano – Collapse into Now) Mike Mills, Peter Buck e Michael Stipe se despedem dos fãs após 31 anos de carreira e uma invejável lista de sucessos que não caberia em uma simples coletânea.


     
  • carames 0:41 em 22/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , autobiografia, , Waging Heavy Peace   

    Autobiografia de Neil Young deve sair em 2012 


    Contagem regressiva: Waging Heavy Peace, autobiografia escrita por Neil Young, deve ver a luz do sol entre setembro e outubro do próximo ano.

    O artista canadense deve juntar-se a outros astros do rock como Eric Clapton, Keith Richards (Rolling Stones) e Slash (ex-Guns n’ Roses e Velvet Revolver) que recentemente retrataram duas vidas em livros do gênero.

    Neil Young havia sido cotado para o festival SWU deste ano mas acabou escalado apenas para uma palestra, ficando de fora do palco nesta passagem. Ele havia tocado em outro festival no país, a edição de 2001 do Rock in Rio.

     
  • carames 23:51 em 21/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: andy warhol, , , , I Am A Cliché – Ecos Da Estética Punk,   

    Exposição – I Am A Cliché: Ecos Da Estética Punk 

    Em exibição no Centro Cultural Banco do Brasil no Rio de Janeiro a mostra “I am a Cliché: Ecos da Estética Punk” que expõe 150 obras de doze artistas: Andy Warhol, Bruce Conner, David Lamelas, David Wojnarowicz, Dennis Morris, Destroy All Monsters, Jamie Reid, Linder, Peter Hujar, Robert Mapplethorpe, Ronald Nameth e Stephen Shore.

    São fotografias, fotocolagens e banners retratando diferentes fases deste movimento que já tem mais de 30 anos e já deu ao mundo diversos representantes como Ramones, The Damned, The Clash e Rancid.

    Na exposição vinda da França, trinta fotografias da americana Patti Smith (musa e poetisa do punk clicada por Robert Mapplethorpe), capas de discos e fotos de outros músicos como o lendário Sid Vicious, ex-baixista dos Sex Pistols.

    O título da mostra é uma menção à banda X-Ray Spex e encerra dia 2 de outubro. Pra quem tiver oportunidade de conferir, é uma boa pedida. Arte e rebeldia no mesmo prato, com entrada franca.


     
  • carames 2:16 em 21/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , two and a half men   

    Nova abertura da série Two and a Half Men 

     
  • carames 0:56 em 20/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: 1º Rock and Blues Festival, , , milonga blues, oly jr, , , theatro treze de maio   

    Vídeo – Oly Jr: Milonga Blues 

    1º Rock and Blues Festival. 13/08/2010. Theatro Treze de Maio, Santa Maria/RS:

     
  • carames 0:17 em 20/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , ,   

    Emmy 2011 | Conheça os vencedores 

    Se vivesse de aposta, passaria fome. Entre aspas as minhas apostas e ao lado o vencedor:

    Melhor série de drama
    “Boardwalk empire” – venceu: Mad Men

    Melhor série de comédia
    “The big bang theory” – venceu: Modern Family

    Melhor atriz em série de drama
    Elisabeth Moss, por “Mad men” – venceu: Julianna Margulies (The Good Wife)

    Melhor ator em série de drama
    Timothy Olyphant, por “Justified” – venceu: Kyle Chandler (Friday Night Lights)

    Melhor ator em série de comédia
    Jim Parsons por “The big bang theory”

    Melhor atriz coadjuvante em série de drama
    Michelle Forbes, por “The killing” – venceu: Margo Martindale (Justified)

    Melhor ator coadjuvante em série de drama
    Peter Dinklage, por “Game of thrones”

    Melhor ator coadjuvante em série de comédia
    Jon Cryer por “Two and a half men” – venceu: Jim Parsons (The Big Bang Theory)

    Melhor minissérie ou filme para a TV
    “The Kennedys” – venceu: Downtown Abbey

    Melhor atriz em série de minissérie ou filme de TV
    Kate Winslet, por “Mildred Pierce”

    Melhor ator em série de minissérie ou filme de TV
    Edgar Ramirez, por “Carlos” – venceu: Barry Pepper, por “The Kennedys”

    Melhor atriz coadjuvante em série de minissérie ou filme de TV
    Evan Rachel Wood, por “Mildred Pierce” – venceu: Maggie Smith, por “Dowron Abbey”

    Melhor ator coadjuvante em série de minissérie ou filme de TV
    Tom Wilskinson, por “The Kennedys” – venceu: Guy Pearce, por “Mildred Pierce”

     
  • carames 3:30 em 19/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , João Gordo Mostrando sua Coleção de Discos, , ,   

    João Gordo Mostrando sua Coleção de Discos 


     
  • carames 0:02 em 19/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: AMP Records, , , Main Man Tribute do Dee Dee Ramone, , , , , , , ,   

    CD – VA: Main Man Tribute do Dee Dee Ramone 2004 


    Lançado no Canadá em 2004 esta homenagem ao ex-baixista dos Ramones, que morrera dois anos antes, não trás covers. O cd tem 31 bandas de 10 países diferentes (nenhuma do Brasil) tocando músicas que tem como tema principal Dee Dee ou a banda onde ele foi um dos principais letristas.

    O cd vem acompanhado do livro Rock in Peace: Dee Dee and Joey Ramone do autor Jari-Pekka Laitia.

    Main Man é também o título de uma música escrita pelo baixista para o disco Mondo Bizarro de 1992. O disco ainda contava com Poison Heart e Strenght to Endure também compostas por ele em parceria com Daniel Rey.

    Dee Dee deixou os Ramones em 1989 e dedicou-se a projetos solo – um deles ao lado de Stiv Bators (Dead Boys) e investiu na carreira de rapper com o pseudônimo de Dee Dee King.

    Ficha Técnica:
    AMP Records – produzido por Jari-Pekka Laitio-Ramone e AMP Records

    Track list:
    01 – accelerators – i wanna be like dee dee ramone
    02 – spoiled rotten – rock ‘n’ roll is dead (dee dee is king)
    03 – predator – all good cretins
    04 – snot rockets – let’s get zonked (again)
    05 – plastic bastard – poison heart tattoo
    06 – saturday night kids – kathy hates the ramones
    07 – jesus h. presley – have you seen dee dee ramone
    08 – fifi and the mach iii – treat you
    09 – squareheads – dirtnap
    10 – meat depressed – dee dee says
    11 – hymans – i don’t know where i belong
    12 – shock and awe – ain’t no friend of mine
    13 – vectors – everyone’s against me
    14 – grayline – dee dee ramone was a murder junkie
    15 – rydells – jackie and judy
    16 – tokiado – stop the ramones
    17 – princovia – dee dee’s garden
    18 – transistors – dee dee and joey
    19 – quickies – gabba gabba hey (we love you)
    20 – hairikot- joey ja dee dee
    21 – havenots- i love her and she loves the ramones
    22 – cretin family therapy- song for heroes
    23 – nobody’s heroes- teenage ramone
    24 – bussy and the rockets- hard to understand
    25 – peloton art- 1975
    26 – the vapids- dee dee king of rock
    27 – mickey desadist- touchie feelie tonite
    28 – teenage confidential- sha la la
    29 – bullet treatment- road to ruin
    30 – youth gone mad – dee dee deceased
    31 – romeros- dee dee left home

     
c
escrever novo post
j
post seguinte/ comentário seguinte
k
post anterior/comentário anterior
r
Resposta
e
Editar
o
mostrar/esconder comentários
t
voltar ao topo
l
vá para login
h
mostrar/ocultar ajuda
shift + esc
Cancelar
%d blogueiros gostam disto: