LP/CD – Ramones: Mondo Bizarro 1992



Primeiro registro de estúdio da banda com a participação do baixista CJ Ramone (inclusive cantando em Main Man e Strenght to Endure), Mondo Bizarro foi gravado nos estúdios Baby Monster e Magic Shop, lançado em 1º de setembro de 1992 e produzido por Gary Kurfirst e Ed Stasium (o mesmo de Leave Home, Rocket to Russia e Too Tought to Die, entre outros).

George DuBose ficou mais uma vez encarregado pela capa, inspirado em The twelve dreams of dr sardonicus da banda Spirit.

O disco, por um lado, representa o esgotamento criativo da banda que nos últimos cinco anos lançara apenas um álbum de estúdio enquanto três coletâneas e um disco duplo ao vivo viram a luz do dia no mesmo período.

Com Joey precisando cada vez mais se apoiar em parcerias para compor sua cota de músicas (como Andy Shernoff, ex-Dictators), a banda acabou apelando ao ex-baixista Dee Dee Ramone que comparece com três sons, por sinal as melhores do bolachão (Strenght to Endure, Main Man e Poison Heart). Dee Dee enfrentava problemas com a justiça e vendeu os direitos destas músicas pelo suficiente para poder contratar um advogado.

Marky, que passara a compor e vinha trabalhando em algumas canções desde 1990, contribui com a rápida Anxiety e os The Doors cedem Take It As It Comes mantendo a tradição de versões ramonianas. A única música em que Joey dispensa parceria é em Touring, resgatada do fundo do baú – sobra das sessões de estúdio de Pleasant Dreams de 1981 a exemplo de Can’t Get You Outta My Mind incluída em Brain Drain de 1989.

De outro lado, o álbum foi responsável por vendas consideráveis e um disco de ouro no Brasil além de trazer uma mudança importante já que Joey dava lugar a CJ nos vocais em duas músicas. Censorshit fazia uma crítica irônica a Tipper Gore (líder do PMRC, responsável pelos selos de aviso aos pais impresso na capa dos discos e que alertavam sobre o conteúdo das músicas).

Daniel Rey não atuou como produtor desta vez mas se fez presente ajudando a compor cinco músicas incluindo Tomorrow She Goes Away e Heidi is a Headcase (a doença mental sempre foi um tema recorrente nas músicas do grupo).

Cabbies on Crack (inspirada em uma corrida de táxi em que Joey foi conduzido por um motorista doidão) e The Job That Ate My Brain completavam este que, se não é o melhor disco já feito pelos Ramones, dificilmente foi batido por outro da mesma época. Em 2004 o relançamento feito no Reino Unido trazia Spiderman como bônus.

Ficha Técnica:
Chrysalis/Radioactive Records – produzido por Ed Stasium e Gary Kurfirst

Joey Ramone – vocal
Johnny Ramone – guitarra
CJ Ramone – baixo, backing vocal
Marky Ramone – bateria

Letra das músicas
Partituras

Edição Original (Chrysalis Records)
Lado A:
01 “Censorshit” (Joey Ramone, Mickey Leigh) – 3:13
02 “The Job That Ate My Brain” (Marky Ramone, Garrett James Uhlenbrock) – 2:17
03 “Poison Heart” (Dee Dee Ramone, Daniel Rey) – 4:04
04 “Anxiety” (Marky Ramone, Garrett James Uhlenbrock) – 2:04
05 “Strength to Endure” (Dee Dee Ramone, Daniel Rey) – 2:59
06 “It’s Gonna Be Alright” (Joey Ramone, Andy Shernoff) – 3:20
Lado B:
07 “Take It As It Comes” (Jim Morrison/John Densmore/Robby Krieger/Ray Manzarek) – 2:07
08 “Main Man” (Dee Dee Ramone, Daniel Rey) – 3:29
09 “Tomorrow She Goes Away” (Joey Ramone, Daniel Rey) – 2:41
10 “I Won’t Let It Happen” (Joey Ramone, Andy Shernoff) – 2:22
11 “Cabbies on Crack” (Joey Ramone) – 3:01
12 “Heidi Is a Headcase” (Joey Ramone, Daniel Rey) – 2:57
13 “Touring” (Joey Ramone) – 2:51

Versão em K7
mondo bizarro k7

Versão em CD







ramones-mondobizarrocd (5)
ramones-mondobizarrocd (2)ramones-mondobizarrocd (17)

O disco foi lançado na Inglaterra em edição especial com as 13 músicas da edição original + Bônus:
14 Spiderman (Harris/ Webster)
ramones-mondobizarro 1ramones-mondobizarro 2
ramones-mondobizarro 3
ramones-mondobizarro 4
ramones-mondobizarro 5
ramones-mondobizarro 6
ramones-mondobizarro 7
ramones-mondobizarro 8
ramones-mondobizarro 9
ramones-mondobizarro 10
ramones-mondobizarro 11ramones-mondobizarro 12
ramones-mondobizarro 13

Box contendo os quatro últimos discos de estúdio da banda (Brain Drain; Mondo Bizarro; Acid Eaters e ¡Adios Amigos!:
R-3491330-1332510757R-3491330-1332514014
R-3491330-1332514041R-3491330-1332514045
R-3491330-1332514057

O disco fez parte ainda de uma compilação dupla que incluía as 13 músicas da versão original, a íntegra de Brain Drain e She’s a Sensation e It’s Not My Place (Pleasant Dreams):
Brain Drain - Mondo Bizarro 1
Brain Drain - Mondo Bizarro 2
Brain Drain - Mondo Bizarro 3
Brain Drain - Mondo Bizarro 4Brain Drain - Mondo Bizarro 5
Brain Drain - Mondo Bizarro 6

Singles:







usa7098usa7097
usa7072usa7073

Mais sobre o disco*:


*artigos publicados no jornal Zero Hora e nas revistas Bizz, Metal Head Especial nº 11 e General Especial.

postcard 3postcard 2
postcard
promo




Anúncios