Sujeito bom de beijo


O Nego Véio, gaudério lá das bandas de São Borja tava pescando quando de repente ele viu uma prenda a ponto de saltar da ponte do rio.
Prestimoso como todo o tapejara ele recolheu o equipamento e se dirigiu para ela perguntando:

  • Que tu tá fazendo guria?
  • Vou me suicidar, responde com uma voz delicada e cadenciada, e ameaçando pular.

Bom de coração como é a marca dos daqui, pensa um pouco e diz:
Bom, antes de saltar, por que não me dá um beijo?

Ela acena com a cabeça, bota de lado os cabelos compridos encaracolados e dá um beijo longo e apaixonado na boca do Nego Véio.

Depois desta intensa experiência, a turma de pescadores ao lado da barranca aplaude.
O Nego Véio recupera o fôlego, alisa a barba e admite:

  • Este foi o melhor beijo que me deram na vida. É um talento que se perderá caso você se suicide.. Por que quer morrer?
  • Meus pais não gostam que eu me vista de mulher!!!

(Não lembro se o caso terminou classificado como homicídio ou Suicídio)

Anúncios