Livro – I Speak Music Ramones by George DuBose 2008


livro - i speak musicDo começo em 1974 (ainda como um trio) até a separação em 1996 (restando apenas Joey e Johnny da formação original) a carreira dos Ramones durou 22 anos.

Nestas mais de duas décadas algumas coisas pouco mudaram no staff que cercava o quarteto: Monte Melnick era o gerente de turnê, Arturo Vega o diretor artístico, Tommy Ramone e Ed Stasium os produtores preferidos ficando a frente de diversos discos da banda.

Se tem outra pessoa que tem lugar merecido nesta lista é George DuBose. Exceção feita a All the Stuff (and more) volumes One e Two (1990) e Acid Eaters (1993) pense em um disco entre Subterranean Jungle (1983) e ¡Adios Amigos! (1995) e certamente terá o clic da câmera de DuBose.

No livro I Speak Music Ramones lançado em 3 de janeiro de 2008 o fotógrafo desnuda a produção por trás da capa de cada disco. Do curioso posicionamento dos integrantes em Subterranean Jungle passando pela inspiração para Too Tough to Die (1984) e Ramones Mania (1988).

É verdade que as capas de Brain Drain (1989) e ¡Adios Amigos! não são dele, mas em compensação o autointitulado fotógrafo oficial dos Ramones ficou com a contracapa e os encartes – aliás, caprichados para Mondo Bizarro (1992).

Em seu portfólio, além dos punks de Nova Iorque, foram clicadas mais de 300 capas de discos para, entre outros, R.E.M., Tom Waits e Afrika Bambaataa. Hoje vivendo na Alemanha, ele acaba de lançar a versão em português deste livro que é item obrigatório não só para os fãs dos Ramones mas para interessados em música e, claro, fotografia.

De bônus, além de versões alternativas para fotos que ficaram famosas como capa, muitas imagens usadas na divulgação dos já citados discos enriquecem a obra. Wonderland Publishing, 104 páginas, em inglês.


Anúncios