Marcado como: sex pistols Ativar/desativar aninhamento de comentários | Atalhos do Teclado

Johnny Rotten, o antigo vocalista dos Sex Pistols, criticou a campanha de relançamento do clássico disco da banda, “Never Mind The Bollocks”. Em entrevista para o semanário musical britânico NME, Rotten disse que apesar de estar feliz que o disco esteja sendo “relançado corretamente”, ele se mantem distante do furor da mídia.

Uma edição especial comemorativa de 35 anos do disco está sendo lançada nesta segunda (24), incluindo música, vídeos e entrevistas. Rotten afirmou: “Como vocês devem saber, eu estou me mantendo distante disso”.

Sobre o relançamento do single “God Save The Queen” no começo do ano, programado para coincidir com o Jubileu da rainha, Rotten disse: “É tão ridículo. Eles não percebem que estão na verdade matando o espírito da coisa. Isto não é o Kiss”.

O cantor disse ainda que a gravadora Universal deveria ter assinado com a sua banda Public Image Ltd. ao invés dos Sex Pistols. “Eu não vejo nenhum progresso trabalhando com os caras”, disse ele sobre os Pistols. “Para mim, eles ainda estão parados 30 anos atrás e não saíram daquilo. Se a Universal tivesse algum bom senso, eles teriam assinado com o PiL e não com os Pistols”, disse ele.

O último disco do Public Image Ltd, chamado “This is PiL”, foi lançado em maio de maneira independente.

Fonte: UOL

 
  • carames 13:27 em 15/08/2012 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , sex pistols,   

    The Clash nunca voltou por causa do Sex Pistols 


    Joe Strummer

    Desde que encerrou suas atividades em 1986, o Clash nunca voltou, mesmo depois que seu líder, Joe Strummer, havia voltado a falar com outra figura importante da banda, o guitarrista Mick Jones.

    A revista NME dessa semana traz uma matéria onde “explica” porque isso não aconteceu.

    Os caras conversaram com Caroline Coon, amiga próxima da banda que chegou a gerenciá-los por algum tempo, e ela disse que quando Strummer estava pronto para reunir o grupo, o Sex Pistolsresolveu voltar, e isso mudou a mente de Strummer:

    De alguma forma, Joe estava muito dependente do que a mídia dizia a respeito dele. Eles sempre diziam que o rock’n’roll era para os jovens e que o Clash nunca deveria voltar. Aí assim que Joe conseguiu colocar a cabeça no lugar e dizer “Foda-se a imprensa, vamos voltar com a banda”, sabe o que aconteceu? O Sex Pistols voltou. Joe – inseguro como era – tinha um ego muito grande, e não iria voltar sob a sombra do Sex Pistols.

    Em 2002 Joe Strummer sofreu um ataque cardíaco e morreu aos 50 anos de idade, justamente quando rumores apontavam, mais uma vez, para uma reunião do Clash, já que Mick Jones foi visto tocando com Strummer & os Mescaleros em várias oportunidades.

    Fonte: TMDQA.

     
  • carames 8:29 em 13/05/2012 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , Os 20 filmes mais punk da história, , , , sex pistols, ,   

    Os 20 filmes mais punk da história 

    O site Premiere fez em 2008 uma lista com os 20 filmes mais relevantes com a temática punk. Na lista, estão filmes como Rock ‘n’ roll high school dos Ramones, Sid and Nancy que conta a história dos Sex Pistols e What We Do Is A Secret, dramatização da breve história dos The Germs.

    Documentários como The Blank Generation e Juventude Decadente narram os primórdios da primeira e segunda gerações do punk/hardcore, respectivamente, no final dos anos 1970 (Blondie, Ramones, Heartbreakers…) e começo da década seguinte (X, The Germs, Black Flag…). Confira a lista abaixo:

    01 Ramones: Rock n’ Roll High School – 1979

    02 The Blank Generation (The Blank Generation) – 1980

    03 Juventude Decadente (The Decline of Western Civilization) – 1981

    04 Ladies and Gentlemen, the Fabulous Stains (Ladies and Gentlemen, the Fabulous Stains) – 1981

    05 Urgh! A Music War (Urgh! A Music War) – 1981

    06 Smithereens (Smithereens) – 1982

    07 Suburbia (Suburbia) – 1984

    08 Repo Man A Onda Punk (Repo Man) – 1984

    09 Procura-se Susan Desesperadamente (Desperately Seeking Susan) – 1985

    10 A Volta Dos Mortos-Vivos (Return of the Living Dead) – 1985

    11 Sid and Nancy – O amor pode matar (Sid and Nancy) – 1986

    12 Dogs in Space (Dogs in Space) – 1987

    13 Roadkill (Roadkill) – 1989

    14 Um Som Diferente (Pump Up The Volume) – 1990

    15 What About Me (What About Me) – 1993

    16 Geração Maldita (The Doom Generation) – 1995

    17 Hackers – Piratas de Computador (Hackers) – 1995

    18 SLC Punk – 1998

    19 Joe Strummer: The Future is Unwritten – 2007

    20 The Germs: What We Do Is A Secret – 2007

     
  • carames 15:27 em 05/04/2012 Link Permanente | Resposta
    Tags: 25 álbuns essenciais de Punk Rock, angry samoans, avengers, , , , , , , , , descendents, , gang of four, germs, , , , , , , , sex pistols, , , wire, x,   

    25 álbuns essenciais de Punk Rock 


    Recentemente, o site Yahoo.com fez uma lista com os 25 álbum essenciais de punk, que “deveriam estar na coleção de todo verdadeiro punk rocker”.

    Porém, embora a lista tenha discos e bandas que de fato mereciam ser incluídas, ela deixa de fora alguns clássicos como The Stooges, MC5, Sham 69, Fang, Blitz e Discharge.

    O criador da lista, Rob O’Connor, reconheceu que há diversas bandas e álbuns que deveriam estar na lista, mas alegou que alguns grupos “não foram tão bons além de uma ou duas músicas ou nunca lançaram um álbum definitivo durante sua carreira”. Ele também escreveu que “a maioria da bandas de punk rock lançaram apenas um single, no entanto, as verdadeiras ótimas bandas conseguiram, pelo menos, lançar um álbum”.

    Confira a lista logo abaixo e não esqueça de deixar um comentário contando o que achou.

    01. The Sex Pistols – Never Mind the Bollocks
    02. The Ramones – Leave Home
    03. X – Los Angeles
    04. Dead Boys – Young, Loud and Snotty
    05. Buzzcocks – Singles Going Steady
    06. Misfits – Walk Among Us
    07. Wire – Pink Flag
    08. Minor Threat – Out of Step
    09. Richard Hell and the Voidoids – Blank Generation
    10. Bedlam – Bedlam
    11. X-Ray Spex – Germ Free Adolescents
    12. Johnny Thunders and the Heartbreakers – L.A.M.F.
    13. Gang of Four – Entertainment!
    14. The Clash – London Calling
    15. Bad Brains – Bad Brains
    16. Dead Kennedys – Plastic Surgery Disasters
    17. Suicide – Suicide
    18. Black Flag – Damaged
    19. Descendents – Milo Goes To College
    20. Circle Jerks – Group Sex
    21. Avengers – Avengers
    22. The Damned – Machine Gun Etiquette
    23. The Germs – GI
    24. The Dictators – Go Girl Crazy!
    25. The Angry Samoans – Back From Samoa

    O post original foi publicado aqui

     
    • carames 0:43 em 06/04/2012 Link Permanente | Resposta

      Gosto é gosto… mas minha lista é beem diferente:
      01. Ramones – Ramones
      02. Sex Pistols – Nevermind the Bollocks
      03. The Clash – London Calling
      04. Dead Kennedys – Fresh Fruit for Rooting Vegetables
      05. Stooges – Fun House
      06. MC5 – Kick out the jam
      07. X – Los Angeles
      08. Circle Jerks – Group Sex
      09. Black Flag – Damaged
      10. Bad Religion – Suffer
      11. NOFX – Heavy Petting Zoo
      12. Green Day – Dookie
      13. Exploited – Punk’s not dead
      14. Rancid – …and out come the wolves
      15. Offspring – Smash
      16. Anti-flag – Die for the government
      17. Buzzcocks – Another Music in a different kitchen
      18. GBH – From here to reality
      19. Pennywise – Pennywise
      20. Toy Dolls – Dig that groove baby
      21. Television – Marquee Moon
      22. New York Dolls – Too Much Too Soon
      23. Bad Brains – Bad Brains
      24. Minor Threat – Out of Step
      25. The Dictators – Go Girl Crazy

  • carames 15:59 em 02/02/2012 Link Permanente | Resposta
    Tags: , 2 de fevereiro, alex cox, , , chloe webb, , courtney love, , gary oldman, , , , , sex pistols,   

    LP/VHS/DVD – Sid e Nancy, o amor mata (Sid and Nancy, the love kills) 1986 

    Apesar de Glen Matlock ser o baixista original dos Sex Pistols, foi Sid Vicious (John Simon Ritchie-Beverly: 10/05/1957 — 2/2/1979) quem personificou a imagem do rock star punk empunhando o baixo na banda criada por Malcom McLaren.

    O movimento punk londrino era diferente do novaiorquino em muitos aspectos, mas principalmente na estética. Vicious, não só fez jus a aparência (cabelos sujos e espetados, roupas rasgadas e cadeado no pescoço) como viveu e morreu de acordo com a máxima que mandava viver intensamente e morrer jovem.

    Em março de 1977 ele entrou para a banda mesmo sem saber tocar e durante os shows se mantinha fazendo pose enquanto seu instrumento passava parte do tempo desligada para não atrapalhar a música.

    Em novembro daquele ano ele conheceu Nancy Spungen, uma groupie americana que se prostituía para manter seu vício em heroína e andava atrás de qualquer um que estivesse envolvido com uma banda. O vício uniu os dois mas o temperamento difícil dela e a pouca aceitação de Sid pelo resto do grupo tornavam difícil seu convívio com Johnny Rotten e cia. Sid estava convencido que era a alma da banda e suas exigências acabaram sendo o pivô para o fim dos Sex Pistols em plena turnê americana.

    Sid tentou carreira solo e foi viver com Nancy nos Estados Unidos no lendário Chelsea Hotel em Nova Iorque onde viveram também Dee Dee Ramone, Dylan Thomas, Arthur C. Clarke, William S. Burroughs, Leonard Cohen, Tennessee Williams, Allen Ginsberg, Jack Kerouac, Jean-Paul Sartre e Charles Bukowski.

    Na noite de 12 de outubro de 1978 ela foi encontrada morta a facadas. Sid chegou a ser preso como principal suspeito mas morreu de overdose em fevereiro do ano seguinte. O caso da morte de Nancy acabou arquivado e nunca recebeu uma explicação oficial.

    O filme do diretor Alex Cox retrata o romance ao melhor estilo Romeu e Julieta ou Yoko/Lennon dos punks se preferirem. O renomado Gary Oldman interpreta Sid Vicious e Nancy é encarnada por Chloe Webb num elenco que ainda incluía, a então desconhecida, Courtney Love.

    A trilha sonora inclui Circle Jerks, Joe Strummer e o próprio Gary Oldman embora tenha deixado de fora Love Kilss – composição de Dee Dee Ramone em homenagem ao amigo morto e que foi deixada de fora após Dee Dee brigar com Alex Cox.


     
  • carames 0:24 em 01/02/2012 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , sex pistols   

    Feliz aniversário Joãozinho Podre 


    John Joseph Lydon (31 de janeiro de 1956) ou Johnny Rotten, vocalista dos Sex Pistols é o aniversariante do dia.

    Johnny Rotten passeava pela rua usando uma camiseta com a inscrição “Odeio Pink Floyd” e foi convidado a assumir os vocais após cantar uma música de Alice Cooper em um Jukebox parecendo o corcunda de Notre Dame.


     
  • carames 1:56 em 02/12/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , 1º de dezembro, 35 anos da entrevista dos Sex Pistols a Bill Grundy, bill grundy, , , , sex pistols   

    35 anos da entrevista dos Sex Pistols a Bill Grundy 

    Há exatos 35 anos os Sex Pistols iam ao programa de maior audiência da tv britânica (Today) serem entrevistados por Bill Grundy em pleno chá das 5. O resultado foi um azedo Johnny Rotten ofendendo o apresentador e mandando um “Fuck Off” (Foda-se) em rede nacional. A anarquia no Reino Unido tinha início.

     
  • carames 0:48 em 07/11/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: 24 Hour Party People, 6 de novembro de 1975, A Festa Nunca Termina, , Primeiro show dos Sex Pistols completa 36 anos, , Saint Martins College, sex pistols,   

    Primeiro show dos Sex Pistols faz aniversário 

    Foi na noite de 6 de novembro de 1975 que, pela primeira vez, os Sex Pistols – Johnny Rotten (vocais), Glen Matlock (baixo), Steve Jones (guitarra) e Paul Cook (bateria) – se apresentaram publicamente.

    A banda foi formada por iniciativa de Malcolm McLaren, proprietário de uma loja de roupas sadomasoquistas (daí o SEX no nome da banda) e que já havia empresariado os New York Dolls.

    O show no Saint Martins College acabou sendo um fiasco e mal chegou aos dez minutos de duração. Uma funcionária do local teria desligado os amplificadores, atordoada com o som da banda. O show é retratado no filme A Festa Nunca Termina (24 Hour Party People) de 2002.

    Poucos meses mais tarde a banda sacudiria a Inglaterra e escreveria seu nome na história da música.


     
  • carames 1:11 em 16/10/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , coleção, , god save the queen, , raridade, sex pistols, US $17459.19,   

    EP God Save The Queen dos Sex Pistols vendido por US $17,459.19 


    Um colecionador de discos raros ofertou no Ebay por US $17,459.19 (cerca de 30 mil reais) um EP raro dos também britânicos Sex Pistols.

    O EP de God Save The Queen teve uma tiragem de apenas 25 exemplares que ficaram guardadas até 1998. Este é o último dos três exemplares que o vendedor de Londres havia adquirido de um executivo da A&M.

    Para quem não sabe os Sex Pistols foram chutados da EMI em janeiro de 1977, em seguida assinaram com a A&M e em março do mesmo ano foram novamente enxotados embolsando uma boa quantia em virtude de uma multa contratual.

    God Save the Queen acabaria relançada em um compacto pela Virgin, nova gravadora da banda. Desta vez com Did you no wrong no lado B ao contrário do lançamento original que continha No Feelings.

     
  • carames 1:46 em 16/09/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , a Tribute To Johnny Ramone, , , , , , , , , , Mandy Stein, , , , , , , , , , , , , sex pistols, , , , ,   

    DVD – Too Tough To Die – A Tribute To Johnny Ramone 2006 

    Gravado no dia 12 de setembro de 2004 na celebração dos 30 anos de aniversário dos Ramones, Too Tough To Die acabou virando tributo ao guitarrista Johnny Ramone (que morreria dois dias e meio mais tarde, vítima de câncer).

    O show é apresentado por Rob Zombie (que inclusive fala pelo celular – aos gritos de HEY! HO! LET’S GO! – com Johnny que naquela altura já estava hospitalizado).

    As apresentações dividem espaço com depoimentos de Steve Jones (Sex Pistols), Henry Rollins, Red Hot Chili Peppers, Eddie Vedder (Pearl Jam), Brett Gurewitz (Bad Religion), Tim Armstrong (Rancid), Daniel Rey, Lisa Marie Presley, Seymour Stein (Sire Records), ex-membros do Ramones, como CJ, Tommy e Marky além do ex-diretor artístico da banda, Arturo Vega.

    A direção é de Mandy Stein que ainda trás matéria da MTV News sobre a morte de Johnny e mostra Eddie Vedder e o ator Nicolas Cage, ao lado da viúva Linda Cummings, homenageando o amigo morto. A versão de Today Your Love, Tomorrow The World que toca enquanto eles estão no cemitério é simplesmente de chorar.

    Too Tough To Die é também o nome do oitavo disco da banda, lançado em 1984. Na época Johnny quase morrera e para representar o espírito de luta do guitarrista e também da própria banda (na estrada há anos sem reconhecimento) o título foi mais do que apropriado.

    Ficha Técnica:
    Rhino Records – produzido por Mandy Stein

    Set list:
    “Durango 95”
    “Today Your Love, Tomorrow The World”
    “Pin Head”
    “Today Your Love, Tomorrow The World”
    “You Drive Me Ape (You Big Gorilla)”
    “Los Angeles”
    “Because I Do”
    “I Just Wanna Have Something To Do”
    “I Wanna Be Sedated”
    “She’s The One”
    “It’s A Long Way Back”
    “Durango 95”
    “Wart Hog”
    “Don’t Come Close”
    “I Wanna Be Your Boyfriend”
    “My Brain Is Hanging Upside Down (Bonzo Goes to Bitburg)”
    “Cretin Hop”
    “I Believe In Miracles”
    “Sheena Is A Punk Rocker”
    “Judy Is A Punk”
    “Commando”
    “Blitzkrieg Bop”
    “Today Your Love, Tomorrow The World”
    “Something To Believe In”
    “Dirty Tears”
    “Too High”
    “Judy Is A Punk”
    “Teenage Lobotomy”


    johnnyramone-tootoughtodie3johnnyramone-tootoughtodie4
    johnnyramone-tootoughtodie5

     
  • carames 17:45 em 07/08/2011 Link Permanente | Resposta
    Tags: , , , , , Green Day eleita a melhor banda de punk rock da história, , , , , sex pistols, social distortion,   

    Green Day eleita a melhor banda de punk rock da história 

    Os leitores da revista Rolling Stone americana escolheram as dez melhores bandas punk da história. Em primeiro lugar ficou o Green Day, deixando pra trás The Clash, Sex Pistols e Ramones, precursores do gênero na segunda metade dos anos 1970.
    Resta saber o critério adotado pelos leitores, já que a banda (certamente a mais bem sucedida comercialmente entre as citadas) adotou visual e sonoridade mais pop do que o hardcore de discos anteriores como Dookie (1994) ao contrário de outros que se mantiveram fiéis ao estilo.

    01 Green Day

    02 The Clash

    03 Ramones

    04 Sex Pistols

    05 Dead Kennedys

    06 Iggy and The Stooges

    07 Black Flag

    08 The Misfits

    09 Social Distortion

    10 Bad Brains

     
  • c
    escrever novo post
    j
    post seguinte/ comentário seguinte
    k
    post anterior/comentário anterior
    r
    Resposta
    e
    Editar
    o
    mostrar/esconder comentários
    t
    voltar ao topo
    l
    vá para login
    h
    mostrar/ocultar ajuda
    shift + esc
    Cancelar
    %d blogueiros gostam disto: